Pages

Subscribe:

Ads 468x60px

1 de outubro de 2011

O PAPEL DO DIRETOR E COORDENADOR PEDAGÓGICO


A primeira questão que nos vem à mente, ao tratarmos do planejamento, sempre repetida e quase nunca levada a sério por muitos, é a que se refere ao compromisso. Nenhum planejamento terá validade, se os envolvidos não se propuserem a cumpri-lo integralmente. Mas esse cumprimento somente será possível por meio de um "acompanhamento e cobrança".

Assim, a primeira tarefa do corpo diretivo, em discussão com todos (professores, pessoal de apoio, etc...), será encontrar mecanismos que garantam o cumprimento de tudo aquilo que todos se comprometam a realizar em um coletivo. Sabemos como é difíceis concretizar o plano, tal a rotina e o marasmo, que toma conta de quase todos, passadas algumas semanas.

Entenda-se o termo "acompanhamento e cobrança", no seu sentido educacional, ou seja, o de detectar problemas e propor soluções para resolvê-los pelo diálogo honesto, conjunto e democrático.

Quanto ao processo pedagógico, parece-nos que esse gerenciamento e cobrança jamais poderão ter alguma eficiência, sem que se tenham, em mãos, dados concretos, resultantes das metas e objetivos.

Os mecanismos de "acompanhamento e cobrança" poderão variar de escola para escola, mas deverão basear-se sempre em documentação, em todas as disciplinas, de tal forma que os responsáveis pela supervisão do processo pedagógico possam ter uma idéia do que está sendo realizado em sala de aula, para cumprimento do Plano de Escola. Apenas, dessa forma, não se permitirão as constantes lacunas deixadas, anualmente, na formação intelectual dos alunos, quando os ciclos de estudo não se completam.

Entendemos que a abertura dos trabalhos de planejamento, com todos os professores deva enfatizar os aspectos acima mencionados, inclusive objetivando esclarecê-los de que o "acompanhamento e cobrança" não devem ser encarados como fiscalização e interferência e, sim, a tentativa de um trabalho permanentemente reflexivo e, quando for o caso, replanejado.

Nenhum planejamento terá validade, se os envolvidos não se propuserem a cumpri-lo integralmente.

ana.tessari@bol.com.br




0 comentários: